SETEMBRO AMARELO: CAMPANHA REFORÇA A VALORIZAÇÃO DA VIDA

Desde 2014, a campanha Setembro Amarelo vem ganhando cada vez mais notoriedade. Em parceria com o Conselho Federal de Medicina (CFM) e os Conselhos Regionais de Medicina (CRMs) do país, a Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) busca, neste mês, conscientizar a população sobre a importância da saúde mental, os riscos para comportamentos suicidas e os diversos tipos de tratamentos que existem.

Dados da OMS apontam que o suicídio é considerado a segunda maior causa de morte entre jovens no mundo, depois de acidentes de trânsito. Nesse cenário, no Brasil, os registros se aproximam de 14 mil casos por ano, uma média de 38 suicídios por dia.

Mesmo com dados alarmantes, pouco se fala sobre essa questão, que pode afetar indivíduos de diferentes origens, classes sociais, idades e orientações sexuais. Tal comportamento pode ser resultado de uma interação de fatores psicológicos, biológicos, culturais, socioambientais e até mesmo genéticos.

Assim, com o intuito de ajudar na prevenção e redução dos casos de suicídio, o CREMERJ apoia a campanha Setembro Amarelo e reforça a importância de sempre buscar um acompanhamento médico em caso de quaisquer sintomas.

Compartilhe a campanha Setembro Amarelo e ajude a salvar vidas. Clique aqui para ver o site oficial.