CRM reitera que partos devem ser feitos em ambiente hospitalar

O CREMERJ, mais uma vez, reitera a importância de realizar partos em um ambiente seguro, como é o caso de uma unidade hospitalar. A recomendação se dá pela possibilidade de intercorrências que podem acontecer inesperadamente durante o procedimento, afetando a mãe ou o bebê. O ambiente hospitalar é o local que possui a estrutura necessária para resolver casos de urgência ou emergência com agilidade e eficiência. Nessa sexta-feira, 2 de fevereiro, o Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) divulgou uma resolução, na qual normatiza a atuação do enfermeiro obstétrico e obstetriz na assistência à mulher, recém-nascido e família no Parto Domiciliar Planejado.

O CREMERJ é contrário à realização de partos em ambiente domiciliar e reforça a importância de que o procedimento seja realizado em unidade hospitalar, sempre acompanhado por médicos devidamente habilitados.